O significado de Onegai Shimasu

Onegai shimasu” é uma frase difícil de traduzir diretamente para o português. A segunda parte “shimasu” é basicamente o verbo “suru“, que significa fazer, conjugado no tempo presente. “Onegai” vem do verbo “negau“, que significa literalmente orar por (algo) ou desejar (algo). A partícula “O” no início é o honorífico que torna a frase mais respeitosa. É claro que nós nunca diríamos essa frase em particular sem ele, mas é isso que ele representa. (Não confunda esse “O” com o “O” em O-sensei. O de O-Sensei é realmente “Oo”, significando grande ou grandioso).

Na cultura japonesa, usamos “onegai shimasu” em várias situações diferentes. A conotação básica é o sentimento  de boa vontade em relação ao encontro num futuro próximo das duas partes relacionadas. Por isso, às vezes é como dizer:

Eu estou esperando que nosso relacionamento traga boas coisas no futuro.

Usa-se isso durante comemoração de ano novo, dizendo “kotoshi mo yoroshiku onegai shimasu” que pode ser traduzido do japonês como:

Espero que este ano nossos laços se fortaleçam.

Ou ainda

Desejo que nosso relacionamento seja duradouro neste ano.

A expressão também pode assumir a conotação de um pedido de forma polida. Como no nosso uso regular nos treinos: “Por favor deixe-me treinar com você.” É uma solicitação frequentemente usada para pedir a outra pessoa para lhe ensinar, e que você está pronto para aceitar o ensinamento dessa pessoa.

Só uma dica em relação a pronúncia. A sílaba final “su” tem um som parecido com o “s” da palavra gás. O “u” não tem um som muito evidente.

Referências:
About.com
Aikiweb
Centro de Difusión del Aikido

Apresentação na Colônia de Férias da CELEPAR

Na última sexta-feira nós fizemos uma apresentação para mais de 30 crianças na CELEPAR.

Bate papo com as crianças

Bate papo com as crianças

Era uma turma de filhos de funcionários. Haviam crianças e jovens de 6 a 14 anos. Após uma pequena demonstração de algumas técnicas, reunimos o grupo para conversar um pouco sobre o Aikido e sua filosofia de não-competitividade e não-violência.

Caindo em yoko ukemi

Caindo em yoko ukemi

Foi uma experiência muito proveitosa. Obrigado às crianças e jovens que permitirão que fizéssemos essa apresentação e especialmente ao Prof. Paulo Paixão que nos ajudou a organizar o evento.